No "Roda Viva", Fátima Bernardes defende a imprensa: "Atividade muito necessária"

Redação Portal Imprensa | 26/07/2022 14:56

No "Roda Viva", Fátima Bernardes ressalta importância da imprensa: "mais necessária do que em qualquer outro momento" Na última segunda-feira (25), a apresentadora Fátima Bernardes foi a entrevista do "Roda Viva", da TV Cultura.


A jornalista que deixou o "Encontro" após dez anos, falou sobre a importância do jornalismo. Ao comentar sobre o acirramento das discussões políticas, Fátima admitiu que seu “lado jornalista” não sente falta do hardnews e da cobertura jornalística. “É um momento muito diferente [comparado com antigamente], não é? Isso faz com que eu não tenha saudade dessa vivência diária", disse.


Crédito:Reprodução/TV Cultura
Apresentadora falou sobre jornalismo e a carreira na TV


A apresentadora ainda disse ter compaixão com os repórteres e colegas do Jornal Nacional. "É uma atividade muito necessária, mais necessária do que em qualquer outro momento, e não está fácil”, acrescentou.


Para Fátima Bernardes, os profissionais de imprensa não souberam demonstrar a importância da profissão para o público e, em razão disso, as fake news ganharam terreno e relevância. "A gente explicou pouco o que a gente faz e como faz. Quanto tempo demorou para ter agências de checagem de notícia e fake news?”, explica.


Assista ao programa completo:





Leia também
Justiça torna réus três acusados pelo assassinato de Dom Phillips e Bruno Pereira
Exército acusa jornalista da Globo de fake news por coluna sobre ataque às urnas