Jornalistas pedem demissão da Fox News em protesto contra série sobre 6 de janeiro

Redação Portal IMPRENSA | 22/11/2021 17:41
Colaboradores da Fox News, os jornalistas Steve Hayes e Jonah Goldberg pediram demissão da rede conservadora americana em protesto contra a série documental Patriot Purge. Feita pelo âncora da Fox News Tucker Carlson, a série foi exibida no serviço de streaming Fox Nation e promovida na Fox News.

O objetivo dos três episódios é retratar o ataque ao Capitólio em 6 de janeiro, quando apoiadores do presidente Trump invadiram o Congresso americano em uma tentativa de reverter a derrota nas eleições presidenciais para Joe Biden.

Em uma carta aberta, Steve e Jonah afirmaram que, na Fox News, as vozes dos responsáveis estão sendo abafadas pelos irresponsáveis. "A série foi apresentada no estilo de uma denúncia, um artigo contundente de jornalismo investigativo. Na realidade, é uma coleção de conspiração incoerente, crivada de imprecisões factuais, meias-verdades, imagens enganosas e omissões condenatórias.”

Crédito: Shannon Stapleton/Reuters
Apoiadores de Trump preparam-se para invadir o Capitólio em 6 de janeiro
Ao New York Times, Steve e Jonah disseram que permaneceram na Fox News na esperança de recuperar a independência de Trump.

"Mas nos últimos cinco anos, alguns dos principais apresentadores de opinião da Fox amplificaram as falsas alegações e narrativas bizarras de Donald Trump ou ofereceram as suas próprias a seu serviço. Nesse sentido, o lançamento de Patriot Purge não foi um incidente isolado, foi apenas o exemplo mais flagrante de uma tendência de longa data.”

Leia também