Joe Biden se desculpa após resposta ríspida a jornalista da CNN

Redação Portal IMPRENSA | 17/06/2021 10:26
O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pediu desculpas à repórter Kaitlan Collins, da CNN, pela resposta ríspida na coletiva de imprensa após o encontro com o presidente russo Vladimir Putin. 

Collins, a principal setorista da emissora na Casa Branca, perguntou o que deixava o presidente confiante na mudança de comportamento de Putin após a reunião. A pergunta não agradou Biden, que negou tal 'confiança'. 
Crédito:Adam Schultz/Casa Branca
Joe Biden, presidente dos Estados Unidos
Joe Biden, presidente dos Estados Unidos
Não satisfeita, a repórter insistiu, destacando atitudes do russo durante o encontro, como a recusa em pronunciar o nome de Alexei Navalny, líder de oposição, e na minimização do abuso aos direitos humanos, e perguntou de que forma essa ambiguidade contribui para um encontro produtivo. 

"Se você não entende isso, está no ramo errado", respondeu Joe Biden. 

Horas depois, antes de partir de Genebra, o presidente norte-americano foi até um grupo de repórteres que estavam na pista de decolagem do avião oficial e disse que devia 'um pedido de desculpas'. 

"Eu não deveria ter sido um 'sabichão' na última resposta que dei". Ele, no entanto, reclamou que os jornalistas não fazem perguntas positivas. 

"Me parece que para ser um bom repórter você tem que ser negativo, tem que ter uma visão negativa da vida", afirmou. 

Ao vivo na CNN, Collins disse que a atitude era "desnecessária", pois ela estava apenas fazendo seu trabalho. "Ele não precisava se desculpar, embora eu aprecie o que ele fez", disse. 

A jornalista acrescentou que "fazer uma pergunta ao presidente não significa que ela tenha uma inclinação positiva ou negativa" - "É simplesmente uma forma de entender o raciocínio do presidente, entender como ele vê algo".        

Leia também: