Jornal GGN lança documentário sobre excessos cometidos por Sergio Moro antes da Lava Jato

Redação Portal IMPRENSA | 10/02/2021 10:03
O Jornal GGN acaba de lançar o documentário “Sergio Moro: a construção de um juiz acima da lei”, um projeto de jornalismo realizado pelos jornalistas Luis Nassif, Marcelo Auler, Cintia Alves e Nacho Lemus.

O documentário relata uma série de violações a direitos e garantias constitucionais que marcaram a trajetória de Sergio Moro na magistratura. Ao longo de 74 minutos, o vídeo expõe alguns dos métodos heterodoxos usados pelo ex-juiz, a partir do depoimento de personagens que acompanharam os casos de perto.

A imparcialidade de Moro foi colocada em xeque e virou assunto de repercussão nacional em função dos julgamentos do ex-presidente Lula. 

O projeto conta com a participação de Alberto Toron (advogado criminalista), Celso Tres (procurador da República), Cezar Roberto Bitencourt (doutor em Direito Penal), Cristiano Zanin Martins (advogado do ex-presidente Lula), Fernando Augusto Fernandes (criminalista e autor do livro “Geopolítica da Intervenção – A verdadeira história da Lava Jato”), Geoffrey Robertson (advogado internacional de Direitos Humanos), Gerson Machado (delegado aposentado da Polícia Federal), Mário Magalhães (escritor e ex-ombudsman da Folha de S. Paulo) e Michel Saliba (criminalista). 

Em virtude da pandemia do novo coronavírus, as entrevistas e intervenções dos narradores foram gravadas remotamente entre novembro de 2020 e janeiro de 2021. À exceção das entrevistas de dois agricultores vítimas de uma operação instruída por Moro, que são depoimentos concedidos ao jornalista Marcelo Auler em 2018.

Crédito:Divulgação GGN


Financiamento coletivo
O documentário é fruto de uma campanha de financiamento coletivo que o GGN lançou no Catarse em meados de 2020. Além do documentário, o material colhido ao longo de meses de apuração será publicado a partir deste mês em formato de texto nos sites do GGN e Blog do Marcelo Auler.

Assista ao documentário: