STJ mantém condenação e Rafinha Bastos pagará R$ 150 mil para Wanessa Camargo

Redação Portal IMPRENSA | 25/11/2015 15:30
A 4ª turma do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) manteve nesta quarta-feira (25/11) a condenação do jornalista e humorista Rafinha Bastos em indenizar a cantora Wanessa Camargo, seu marido e o filho do casal em R$ 150 mil, após dizer em 2011, durante o "CQC", da Band, que "comeria a artista e o bebê". 

Crédito:Reprodução/Facebook
Defesa de Rafinha Bastos não conseguiu reduzir valor da indenização

Segundo o iG, a defesa do humorista moveu dois recursos como tentativa de diminuição da pena: no primeiro, ressaltou ser improcedente o pedido de danos morais ao filho do casal, que à época da afirmação feita pelo jornalista ainda não era nascido; na segunda, os advogados do apresentador alegaram que a cantora estava cometendo um abuso ao direito de expressão.  Bastos ainda alegou que o comentário "não teria passado de uma piada". 

A ministra Maria Isabel Gallotti, no entanto, manteve a decisão inicial tomada pelo relator Marco Buzzi, que compreendeu que o jornalista teria "atentado contra a dignidade da cantora, do marido e do filho". Com isso, o apresentador terá que pagar o valor da indenização, que compreende R$ 50 mil a cada um dos afetados. 


Leia também
Japão condena emissora por demitir repórter que deixou o país após desastre nuclear
Justiça do RJ mantém condenação de Luís Nassif por dano moral a Ali Kamel
Justiça rejeita queixa-crime do deputado Eduardo Cunha contra Lauro Jardim