Após jogo, assessor de time pernambucano invade coletiva para provocar adversário

Lucas Carvalho* | 24/01/2014 17:15
Após a vitória do Náutico sobre o Sport pela Copa do Nordeste, na noite da última quinta-feira (23/1), em Recife (PE), o assessor de imprensa do clube vencedor, José Gomes Neto, foi à sala de imprensa destinada ao adversário e começou a provocar os jornalistas presentes: "o choro é livre", disse.

Crédito:Reprodução
Presidente do Sport fez queixa formal sobre o caso à diretoria do Náutico

Segundo o portal SuperEsportes, o jornalista invadiu a coletiva gritando "como a noite está boa". Em seguida, ao ser pedido silêncio por parte dos profissionais que faziam a cobertura da entrevista, ele perguntou se alguém queria um lenço ou um copo d'água e continuou a provocar os rivais.

À IMPRENSA, a assessoria do Sport confirmou que uma queixa formal foi levada ao presidente do Náutico, Glauber Vasconcelos, que garantiu que vai tomar providências. Segundo o dirigente, a atitude do jornalista foi "uma brincadeira infeliz, uma falta de elegância, respeito e profissionalismo que nós do Sport nunca tivemos com nosso clube coirmão".

A assessoria do Náutico não foi encontrada para comentar o caso. Outros profissionais do clube não quiseram se pronunciar sobre o caso.

* Com supervisão de Vanessa Gonçalves

Leia também