Seguindo tendência mundial, “O Globo” adota muro de pagamento em seu site

Redação Portal IMPRENSA | 16/09/2013 13:00
A partir desta segunda-feira (16/9), para ter acesso ilimitado ao conteúdo do site do diário O Globo será preciso ter uma assinatura. Apenas usuários que já assinam o jornal impresso ou digital poderão navegar gratuitamente. De acordo com a publicação, a medida é “um novo passo no relacionamento com seus leitores e assinantes”.

Crédito:Reprodução
Diário adota paywall para se adequar ao cenário da imprensa mundial

Com a mudança, o limite de conteúdo gratuito para não-assinantes será de 30 matérias por mês. Depois, será necessário fazer uma assinatura, no valor mensal de R$ 29,90. Os assinantes terão acesso ilimitado ao site e a produtos da marca, como a Edição Digital, o Acervo O Globo, o site no celular e a revista digital O Globo a Mais.

“Nunca tivemos tanta audiência e nossa oferta de produtos precisa atender às demandas dos clientes atuais e dos novos, que buscam conteúdo de qualidade a qualquer hora e em qualquer lugar”, diz diretor geral da Infoglobo, Marcello Moraes. “Estamos caminhando nessa direção, ampliando e diversificando nossa oferta de conteúdo, com um modelo que privilegia o assinante.”

Desde janeiro os leitores já têm o limite de 20 cliques mensais para acessar reportagens, colunas, blogs, fotogalerias e vídeos. A partir desse número, o leitor é convidado a preencher um cadastro.

O Globo acompanha a tendência mundial, importante para assegurar um modelo de negócio sustentável, que mantenha a oferta de conteúdo de qualidade a nossos assinantes”, explica a diretora executiva do Globo, Sandra Sanches.