Suposto atentado a apresentador pode ter ligação com reportagens sobre corrupção no Amazonas

Redação Portal IMPRENSA | 24/07/2020 18:16
Apresentador do telejornal Amazonas Diário, do Grupo Diário de Comunicação, o jornalista Alex Braga afirma ter sofrido um atentado nesta quinta (23), após sair do trabalho, em Manaus.

O carro de Braga foi atingido na traseira, por volta das 21h15. Após a batida, o jornalista teria sido agredido por dois homens que portavam armas na cintura. Outro veículo teria participado da ação, ao dar cobertura aos agressores.

Em entrevista à imprensa local, Braga afirmou que um dos agressores disse que ele "estava falando demais" no programa.
Crédito:Carlos Nascimento/GDC
Carro do jornalista sofreu uma batida na traseira: atentado seria represália a reportagens sobre corrupção no governo do estado
O suposto atentado teria sido uma represália a reportagens sobre fraudes em contratos de diversas secretarias do Governo do Amazonas, em especial a de saúde. Também há suspeitas de que o atentado foi estimulado pela cobertura feita no Amazonas Diário da operação Sangria, que resultou na prisão da secretária de saúde, além de empresários e servidores.

Em nota, o Grupo Diário de Comunicação afirmou que o caso fere a liberdade de imprensa e exigiu rigorosa apuração dos fatos.