Ministros do STF discutem sobre falar “demais” para a imprensa

Redação Portal IMPRENSA | 14/05/2020 11:54
Após ser acusado de “falar demais” para a imprensa, Marco Aurélio Mello respondeu a Alexandre Moraes que não fala em “off” como ele. A discussão entre os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) aconteceu durante a videoconferência realizada nesta quarta-feira (13/05) para debater a medida cautelar concedida por Moraes, que afastou exigências da LRF e da LDO para viabilizar programas de combate ao coronavírus. 
Crédito: Reprodução


Enquanto explicava a sua interpretação sobre o tema, Moraes foi interrompido por Aurélio.

Aurélio: Bem intencionado, a nossa interpretação é sempre pela vida.

Moraes: Exatamente. Por isso que o Supremo referendou, apesar do prejuízo, os fundamentos da liminar... 

Aurélio: Não sei se referendou. Há aí uma incrongruência. De duas uma, ou está prejudicado o objeto da Adin e extingue o seu processo sem apreciação da matéria de fundo ou... Vossa excelência vai ouvir. Vossa excelência gosta de falar, mas não gosta de ouvir.

Moraes: Nem vossa excelência, que gosta muito de falar, inclusive para a imprensa. Para a imprensa demais. 

Aurélio: Não estou falando para a imprensa. Estou falando para os integrantes do Supremo e estou falando...
 
Moraes: Nesse momento.

Aurélio: Sempre, sempre.  Quando eu falo à imprensa, não falo em off. 

Moraes: Será?

Nesse momento, o presidente da Corte, Dias Toffoli interrompeu a discussão e retomou a contagem de votos do julgamento.

Leia também:
STF suspende MP que alterava regras da Lei de Acesso a Informação

Bolsonaro usa discurso falacioso ao acusar imprensa de retaliação