Sindicato divulga manual para combater a censura na EBC

Redação Portal IMPRENSA | 03/10/2019 18:17
Com aumento nas denúncias de perseguições ao conteúdo produzido por repórteres e editores por parte da direção da EBC, o Sindicato dos Jornalistas do Distrito Federal preparou um manual com instruções de como os jornalistas devem se portar. 

Crédito:Reprodução
Segundo o sindicato, os coordenadores e chefes não podem intimidar a produção jornalística dos profissionais da base, que deve ser voltada ao direito à informação da sociedade brasileira. 

Segundo o manual, “no caso das entrevistas, é recomendável diversificar fontes e convidados para ampliar a representatividade dos diversos grupos sociais, econômicos e culturais”.

No capitulo Código de Ética dos Jornalistas, na página 121 do Manual de Jornalismo da EBC, diz que o profissional se recusar a executar quaisquer tarefas em desacordo com os princípios deste Código de Ética ou que agridam as suas convicções. 

“Esta disposição não pode ser usada como argumento, motivo ou desculpa para que o jornalista deixe de ouvir pessoas com opiniões divergentes das suas”, diz o texto. 

Leia também:
Diretor de conteúdo da EBC é exonerado, mas ganha cargo de confiança
"Nunca houve esse tipo de prática", diz nota do SJPDF denunciando censura do governo Bolsonaro a veículos da EBC