Cade aprova venda do Grupo Abril ao empresário Fábio Carvalho

Redação Portal IMPRENSA | 09/01/2019 13:19

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a venda do Grupo Abril ao empresário Fábio Carvalho. A negociação havia sido acertada em dezembro do ano passado, mas ainda dependia do aval do Conselho para prosseguir. 

Crédito:Divulgação/Abril

A avaliação foi feita pela área técnica do órgão, que não viu nenhum problema grave no acerto. O Cade ressaltou que apesar de a Abril e a Calvary Investimentos, que pertence ao empresário, terem participação no setor de logística e distribuição de encomendas a união não comprometeria concorrência na área. 


A decisão tem 15 dias para ser contestada. Depois desse prazo, a aprovação é efetivada. As negociações do Grupo com seus credores, principalmente os bancos Itaú, Santander e Bradesco. 


Com cerca de R$ 1,6 bilhão em dívidas, sendo aproximadamente R$ 90 milhões em dívidas trabalhistas, a Abril entrou em recuperação judicial em agosto de 2018 e passou a ser gerida pela consultoria Alvarez & Marsal. Após a efetivação da compra, Carvalho assumirá o cargo de CEO. 


Anunciada em 20 de dezembro, a venda foi realizada pelo valor simbólico de R$ 100 mil.   


Leia também:
Grupo Abril é vendido a empresário. Cade precisa aprovar acordo

Associação critica governo pela extinção de mais de 100 rádios comunitárias