Unesco agradece imprensa brasileira por apoio em campanha pelo fim da impunidade dos crimes contra jornalistas

Redação Portal IMPRENSA | 07/12/2018 11:00

A Unesco, órgão das Nações Unidas para educação, ciência e Cultura, agradeceu o apoio recebido da imprensa brasileira na campanha do Dia Internacional pelo Fim da Impunidade dos Crimes contra Jornalistas. De acordo com a entidade, o Brasil foi responsável por 50% das veiculações dos anúncios do movimento.

Crédito:Reprodução

A data aconteceu no dia 2 de novembro e a organização contactou a Associação Nacional de Jornais (ANJ) manifestando sua gratidão. A campanha #TruthNeverDies chamou a atenção para o alto índice de crimes contra profissionais de imprensa sem solução.


De acordo com um levantamento realizado pela própria Unesco, nove em cada dez assassinatos de jornalistas do mundo permanecem sem nenhum tipo de punição. De 2006 a 2017, foram assassinados 1010 profissionais de imprensa que atuavam principalmente com denúncias e divulgação de escândalos de corrupção, crime organizado e desrespeito a direitos humanos.


"É fundamental a colaboração dos jornais em causas como essa, que valorizam nosso meio e defendem o livre exercício do jornalismo", disse o diretor executivo da ANJ, Ricardo Pedreira. 


Leia também:

Morre Sérgio Reis: jornalista que dirigiu a primeira transmissão a cores no Brasil

Crescimento no número de mortes de mulheres jornalistas deixa Unesco em alerta