Professores destacam importância de formar comunicadores capazes de refletir e produzir conhecimento sobre a profissão

Gisele Sotto, em colaboração | 07/11/2018 12:21
Professor na Universidade Feevale, no Rio Grande do Sul, Alisson Coelho se classificou como finalista do Professor IMPRENSA na categoria ‘Orientador de TCC’ e comenta que o fato de ter ser sido indicado pelos alunos é marcante, já que representa um retorno do seu trabalho como orientador e docente da disciplina de TCC. “Mais do que um rito de passagem ao mercado, o trabalho de conclusão de curso é o momento de o estudante reunir o conhecimento que adquiriu e gerar conhecimentos sobre as mais diversas nuances da nossa profissão”, destaca. 

Alisson completa que este é o reconhecimento de “um trabalho contínuo na busca por formarmos jornalistas que tenham a capacidade de refletir e produzir conhecimento sobre a profissão que escolheram”. 
Crédito:Fotos Divulgação
Alisson Coelho, Karliane Nunes e Nereida Neves, finalistas do Professor IMPRENSA

Karliane Nunes, professora na UFAM - Universidade Federal do Amazonas, recebeu com alegria a notícia da indicação ao Professor IMPRENSA na categoria ‘Coordenador de jornal laboratório’. “É um estímulo para seguir na docência e na realização de projetos, juntamente com os alunos, que incentivem a produção de um jornalismo cidadão, plural e comprometido com a democracia”. 

A coordenadora do Tupã News, jornal laboratório da UFAM, ressalta a importância da dedicação dos alunos à publicação, mesmo não dispondo de uma estrutura ideal. “Os desafios mais recorrentes dizem respeito à falta de uma infraestrutura adequada, no que se refere a equipamentos como computadores, câmeras fotográficas e softwares. A internet de que dispomos é também muito precária. Ainda assim, o trabalho em equipe e a vontade de fazer tem permitido a produção do Tupã News”, esclarece.

Finalista na categoria ‘Professor Universitário’ pelo UniNorte - Centro Universitário do Norte, no Amazonas, Nereida Tavares Neves fez questão de compartilhar a conquista com todos os docentes das universidades brasileiras, “em especial as do Norte do Brasil que, assim como eu, rompem barreiras reais e subjetivas que surgem no ensino superior na área da comunicação”. 

E faz um convite aos seus alunos para continuarem empenhados na construção do seu futuro, mesmo em frente aos desafios. “Que, juntos, possamos romper todos os desafios da nossa área, criando perspectivas que fortaleçam a paz, a justiça, a ética, a democracia e dignidade humana”, ressalta Nereida.

Sobre o projeto 

Promovido pelo Portal IMPRENSA, o Professor IMPRENSA reconhece os docentes que constroem o futuro da comunicação no Brasil por meio de seus alunos. 

É o único título que o professor de comunicação recebe que leva em conta o relacionamento, a confiança e parceria no processo de aprendizagem profissional. Apontamos nesta homenagem a diferença que o professor faz na vida acadêmica e profissional dos estudantes.
 
Esta edição conta com o apoio da Intercom - Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação, da Jeduca – Associação de Jornalistas de Educação, da ABEJ - Associação Brasileira de Ensino de Jornalismo, e da ABPEducom - Associação Brasileira de Pesquisadores e Profissionais em Educomunicação.

Conheça os professores mais indicados nas cinco regiões do Brasil. A etapa de votação popular segue até o dia 14 de novembro. Para prestigiar os professores com seu voto, é só acessar o site do Professor IMPRENSA.

Leia também