Facebook vai remover recurso trending topic

Redação Portal IMPRENSA | 06/06/2018 11:55

O Facebook começou, nesta semana, a remover o recurso trending topics, que reúne notícias e tópicos mais populares da rede social. O anúncio foi feito na sexta-feira (1º) e faz parte da sua estratégia contra a disseminação de notícias falsas pela rede social. A notícia foi veiculada pela imprensa nacional e internacional.

Crédito:Pixabay


A ferramenta estava em atividade há quatro anos. De acordo com Facebook, os "trending topics" representaram, em média, menos de 1,5% dos cliques para os editores de notícias, e já está em teste a sua substituição por funcionalidades como uma “caixa” com “notícias urgentes” ou uma área “hoje em” que trará notícias regionais, conforme a moradia indicada pelo usuário na rede.


A rede social fez alterações no recurso de "trending topics" para evitar viés ideológico ou político nos últimos anos, demitindo os editores humanos da área, substituindo por algoritmos. O problema, no entanto, persiste já que o sistema automatizado vem se mostrando incapaz de distinguir notícias verdadeiras de falsas.


Rede lançou serviço de verificação de "fake News


O Facebook lançou, no mês passado, no Brasil, um serviço de verificação de notícias falsas em parceria com duas agências de fact-checking, a Aos Fatos e a Lupa, que vão ter acesso a denúncias feitas por usuários da rede social. Caso a conclusão dos especialistas seja de que se trata de "fake news", as publicações terão seus alcances reduzidos na plataforma.


O serviço já existe nos Estados Unidos e é considerado um sucesso pelos executivos da rede social.


Leia mais

Mark Zuckerberg ri de pergunta, mas não responde se Facebook é uma empresa de mídia

Facebook lança na Índia ferramenta que identifica "fake news"

Agência Lupa lança projeto de checagem de informações e boatos durante o período eleitoral