Equipe de TV da Band é expulsa de ato pró-Lula em Porto Alegre

Redação Portal IMPRENSA | 24/01/2018 14:00

Uma equipe de reportagem da TV Band de Porto Alegre foi hostilizada e expulsa na manhã desta quarta-feira (24), por manifestantes que acompanham o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de um ato nos arredores do Anfiteatro Pôr do Sol, na capital gaúcha.


Crédito:Reprodução/Twitter
20180124 ATO PORTO ALEGRE


A informação foi divulgada pela Rádio BandNews FM por meio de seu perfil no twitter.


A repórter Fernanda Farias e o cinegrafista Márcio Godoy estavam fazendo a cobertura no local, onde se concentram os manifestantes que apoiam Lula, quando houve um princípio de tumulto e os profissionais da Band saíram de lá.


Ao portal IMPRENSA, a assessoria de comunicação da emissora informou que o incidente foi rápido e os profissionais não foram feridos.


Também nesta quarta-feira, o canal de notícias havia divulgado erroneamente a condenação "por unanimidade" de Luiz Inácio Lula da Silva antes do resultado final do julgamento do recurso do ex-presidente no Tribunal Regional Federal da 4ª região, em Porto Alegre. O ex-presidente recorre da sentença do juiz Sérgio Moro, em julho do ano passado, que o condenou a nove anos e seis meses de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.


Leia também:
Jornalista do Intercept Brasil é agredido por manifestantes anti-Lula em Curitiba