Band lança 'Arte1', emissora dedicada exclusivamente à cultura

Camilla Demario | 20/03/2013 18:00

Um canal de televisão com programação 100% dedicada às artes. Este é o novo desafio do Grupo Bandeirantes, que em coletiva realizada nesta quarta-feira (20/3), no Museu de Imagem e Som, em São Paulo, apresentou o Arte1, que está disponível nos pacotes básicos das principais operadoras de TV por assinatura e já conta com 10 milhões de assinantes. 


Leia também:
Com direção de Rogério Gallo, o Arte1, vai abordar temas relacionados à música erudita e popular, dança, cinema, artes visuais, teatro, ópera, literatura, moda, fotografia, entre outros. “O canal está sendo planejado há dois anos e pretende atender o anseio das massas por cultura. Dá prazer fazer um canal desses e acredito que vai agradar a todos que gostam de beleza e cultura em geral”, diz Paulo Saad Jafet, vice-presidente do grupo Bandeirantes.

O lançamento do canal, que sofreu um atraso de dois anos, acabou beneficiando o projeto que recebeu o selo de “canal brasileiro de espaço qualificado” dado pela Ancine, atendendo à legislação que obriga as operadoras a ter cotas de conteúdo nacional em sua programação.

“Já entramos no espírito da lei”, comenta Gallo. “O Arte1 tem 50% do seu conteúdo produzido pela Band e metade em parceria com produtoras independentes. O objetivo é que seja acessível à massa, não um canal para iniciados”, explica.

Com equipe enxuta, com pouco mais de 30 profissionais, o canal deve se beneficiar da estrutura e do expertise da Band para expandir seu horizontes. “Já estamos presentes nos grandes eventos e se precisarmos entrar ao vivo da festa de São Luis do Paraitinga, sabemos que a Band pode ajudar”, diz Gallo.

No vídeo promocional, Seu Jorge, Antunes Filho, Arnaldo Antunes, Yamandu Costa, J.R. Duran, Ruy Ohtake, Zé Celso, entre outros, falam sobre o canal e desejam boa sorte ao novo projeto, que não tem a pretensão de ser um canal educativo. “É um canal de entretenimento e de qualidade”, completa Gallo.

Ainda sem grade definida, o canal dará destaques às séries como estratégia de fidelização de telespectadores. Dois projetos já estão em andamento: uma série sobre roubos de arte em museus brasileiros, o “Uma Obra de Arte Sumiu”, que tem uma pegada mais policial, e uma sobre arte urbana. 

Crédito:Divulgação
Gisele Kato

Editora-chefe do Arte1, a jornalista Gisele Kato, também irá apresentar uma das principais atrações da casa, o “Arte1 em Movimento”, uma revista semanal com as principais notícias de cultura do Brasil e do mundo. Salomão Schvartzman está entre os apresentadores e, além comandar o “Arte1 in Concert”, também será a voz padrão da nova emissora.

O jornalista conversou com a IMPRENSA. Confira:

IMPRENSA - Sobre o que será o seu programa no Arte1?
SALOMÃO SCHVARTZMAN -
Eu apresento e escrevo o "Arte1 in Concert", um programa que apresenta a música “sem casaca”, que transforma o texto em uma conversa com o ouvinte. Há três semanas, por exemplo, morreu nos Estados Unidos Van Cliburn, o primeiro pianista a ganhar o prêmio Tchaikovsky, em Moscou. Como o partido comunista russo vai dar o prêmio a um americano em Moscou em plena Guerra Fria! Cliburn, quando questionado sobre o porquê de ser tão alto, respondia “não sei, talvez por ser do Texas” (risos). Essas coisas de bastidores que nós vamos contar.

E como surgiu o convite para integrar o elenco do canal?
O Paulo Saad e o Rogério Gallo me chamaram e perguntaram se eu podia ser a voz do canal. Agora pelo menos minha voz em casa vai ser ouvida. Que minha mulher não me ouça! (risos). Eu já trabalhava há quatro anos fazendo um programa diário na BandNews FM, em que falo sobre cotidiano, economia, político, mas tudo com humor e apresento na rádio Bandeirantes o “Sábado de Classe”, uma hora sobre música, também “sem casaca”. 

E o “Arte1 in Concert” também vai ter essa pitada de humor?
Vai ter o que a música oferece. Por exemplo: o pianista Vladimir Horowitz, quando o Carnegie Hall o anunciava, os ingressos se esgotavam e as pessoas faziam fila na bilheteria. Uma vez ele se condoeu com esses fãs e numa van levou sopa quentíssima, para ele mesmo distribuir. Isso é Vladimir Horowitz. E tudo isso está no Arte1.