Jovem é preso por ameaças de morte a funcionários da CNN

Redação Portal IMPRENSA | 23/01/2018 15:00

Um jovem de 19 anos foi preso na última sexta-feira (19) por ameaçar matar funcionários do canal de notícias estadunidense CNN.

Crédito:Flickr Creative Commons
2018-01-23 SEDE CNN

De acordo com informações da própria CNN, Brandon Griesemer teria realizado 22 chamadas, todas registadas em gravação, entre os dias 9 e 10 de janeiro para a sede da TV, em Atlanta. Em uma das mensagens, ele ameaçou: “Notícias falsas ['fake news'], vou disparar contra todos vocês.”


Em comunicado divulgado ontem, a CNN expressou que leva “as ameaças aos empregados e locais de trabalho da CNN, em todo o mundo, extremamente a sério.” “Temos estado em contato com as autoridades locais e federais durante este processo e vamos tomar todas as medidas que forem necessárias para garantir a segurança do nosso pessoal.”


No ano passado, Griesemer havia telefonado a um trabalhador do centro islâmico de Ann Arbor, no estado do Michigan, para fazer comentários preconceituosos contra mesquitas e muçulmanos, mas na época não foi detido. Agora acusado por um tribunal local, ele poderá ser condenado a uma pena de prisão de até 5 anos.


Leia também:

Jornalistas se demitem da CNN depois de emissora excluir matéria e se retratar com governo Trump