Impostos fazem Yahoo! desistir de separação do Alibaba

Redação Portal IMPRENSA | 09/12/2015 17:00
O Yahoo! anunciou nesta quarta-feira (9/12) ter descartado o plano de separar sua participação de 15% na empresa de comércio eletrônico chinesa Alibaba. 
Crédito:divulgação

Segundo a Folha de S.Paulo, a desistência teria ocorrido após uma pressão por parte dos acionistas da empresa, que ficaram preocupados com os riscos tributários do negócio. Em setembro de 2014, o Yahoo! já havia negociado grande parte da Alibaba por cerca de US$ 10,3 bilhão, dos quais 40% teriam sido "perdidos com impostos". 

A empresa também anunciou a criação da Aabaco, companhia criada a partir da transferência de outros ativos e obrigações que não as vinculadas a Alibaba. 

"Nós acreditamos que a separação previamente anunciada seria livre de impostos para o Yahoo! e seus acionistas. No entanto, em consideração ao desenrolar dos acontecimentos desde que o plano original de separação foi anunciado e após deliberações significativas, nós estamos suspendendo os trabalhos em torno da separação de Aabaco", comentou Maynar Webb, presidente do conselho de administração da empresa.


Leia também
Edição brasileira da "Playboy" pode ser negociada com o grupo paranaense JMalucelli
Com licença de Ricardo Gandour, Grupo Estado anuncia novos diretores
Grupo Diários Associados arrenda frequência da Nativa FM do Rio de Janeiro