Estudo indica descrença no papel do jornalismo entre os próprios profissionais da área

Redação Portal IMPRENSA | 14/08/2017 17:24

Dados do Projeto Credibilidade indicam que jornalistas brasileiros desconfiam do papel exercido pela profissão na sociedade do país. Apenas 17,9% dos 314 profissionais entrevistados concorda completamente que “o jornalismo fornece uma narrativa verdadeira dos eventos e questões diárias num contexto que explica seus significados”. 31,1% deles disseram concordar parcialmente, enquanto 37,2% não concordam nem discordam e 10,3% discorda parcialmente. A opção “discordo completamente” foi assinalada por 3,5%.

Crédito:Reprodução

Embora 93,3% do total concorde completamente que “O jornalismo é crucial para a democracia”, 65,3% dos entrevistados não tem plena convicção que “A atividade jornalística não teme ao cobrar responsabilidades de quem exerce o poder” e 80,7% deles não acredita 100% que “O jornalismo apresenta e esclarece os objetivos e valores da sociedade”.


Outra divisão entre participantes foi em relação a afirmação de que “O jornalismo representa as preocupações e dá voz a todas as pessoas”. Apenas 17,7% dos respondentes concordam completamente com a sentença, enquanto 24,2% concorda parcialmente, 34,8% não concorda nem discorda, 15,8% discorda parcialmente e 7,4% discorda completamente.


O levantamente foi feito entre junho de 2016 e junho deste ano. A pesquisa consultou jornalistas de 38 diferentes veículos atuantes em 15 localidades no Brasil, principalmente nas cidades de São Paulo (52%) e Rio de Janeiro (27%), a maioria deles nas funções de repórter (37%), editor (22%) ou diretor (12%), com idade entre 25 e 54 anos (82%) e mais de dez anos de experiência na profissão (67%). Veja aqui os dados completos.


O Trust Project é um consórcio de 70 veículos de comunicação e instituições inclui os seguintes participantes:  AJ+ (Al Jazeera), American Press Institute, Bay Area Newsgroup, Center for Investigative Reporting, First Look, Google, Maynard Institute, The McClatchy Company, Mother Jones, The New York Times, Poynter, La Stampa, Toronto Globe & Mail, Vox.com, The Washington Post e Zeit Online. O Projeto Credibilidade é o capítulo brasileiro da iniciativa. 


Saiba mais:

Pesquisa da Kantar IBOPE indica que jornalismo é preferência na TV de 6% dos pais

Pesquisa do Reuters Institute estima que 13% das pessoas paguem por notícias online no mundo

Com as exceções de Veja e Época, mídia tradicional diminui arrecadação com publicidade estatal