Miriam Leitão participará de novo conselho consultivo do CNJ

Redação Portal IMPRENSA | 09/11/2016 11:30
A jornalista Miriam Leitão, colunista de economia e apresentadora da GloboNews, a escritora Rosiska Darcy de Oliveira, da Academia Brasileira de Letras (ABL), e o ator Milton Gonçalves, o mais antigo da Globo, serão representantes da sociedade civil no novo conselho consultivo do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Crédito:Reprodução/YouTube

De acordo com a Folha de S.Paulo, o grupo deve ajudar o Conselho nas pesquisas de aprimoramento do Poder Judiciário, sob orientação da diretora de projetos do Departamento de Pesquisas Judiciárias do CNJ, Maria Tereza Sadek, pesquisadora e professora da USP.

A ideia é recriar um conselho de consultores, como o gestão do ministro Gilmar Mendes. “É muito importante ouvir personalidades não ligadas ao Poder Judiciário”, destacou Maria Tereza.

Também devem integrar o conselho o ex-secretário da Receita Federal, Everardo Maciel, a professora da PUC-MG, ex-diretora da Fundação Dom Cabral, conselheira de grandes empresas e colunista do Valor Econômico, Betânia Tanure, a professora da FGV Direito SP, Luciana Gross Cunha, e o procurador do Estado, ex-advogado geral do Estado de Minas Gerais e professor licenciado da PUC-MG, Marco Antonio Romanelli. 

Leia também: