Opinião: "As mudanças e tendências que impactam o consumo no Brasil e no mundo", por Daniela Barbará

Daniela Barbará | 03/09/2019 16:16
Crédito:Pixabay


O relatório Energias Globais, da Kantar – realizado em 26 países, por meio de 34 mil entrevistas - evidenciou as 8 principais tendências que se tornam cada vez mais importantes para o consumidor. A primeira delas é a preocupação com a responsabilidade – tanto social, quanto ambiental -, seguida pela busca incessante por experiências positivas, bem-estar físico e espiritual, conexões humanas mais relevantes, fluxos flexíveis e simplicidade.
 
Para completar, o consumidor atual também deseja preservar sua identidade, que é única e foge de estereótipos, e ter proteção, seja física, digital, ambiental ou financeira, de acordo com as informações da Kantar.
 
Analisando esses itens evidencia-se a necessidade de mostrar aos nossos clientes a importância de ter conhecimento sobre os conceitos para que possam ser assertivos em suas comunicações com seus consumidores. Isso porque, segundo o relatório, essas novas tendências criam um consumidor “multi”, ou seja, que se abre para novas perspectivas, tem mais opções de marcas e busca canais específicos para sua compra.
 
“Ele procura o que lhe proporciona experiências mais valiosas, faz trocas, explora novas marcas e categorias e abandona antigas, frequenta menos vezes o ponto de venda. E tudo isso faz surgir novos nichos de mercado”, reforma o relatório Energias Globais.  Nota-se então que ampliar as opções de canais de comunicação e tornar a decisão de compra a união de quatro pilares ocasião, benefício, necessidade e experiência
 
Por fim, o relatório aponta ainda que o segredo para o sucesso está na combinação de três itens básicos: relevância, diferenciação e conhecimento. “É fundamental que as empresas encontrem as necessidades dos seus consumidores para que possam ir além de onde já estão estabelecidas, foquem em nichos de mercado, personalizem seus produtos e serviços, cheguem mais facilmente ao consumidor e adotem novos modelos de negócios. Atualmente, as marcas só crescem se conseguirem se diferenciar, mas o principal é continuar nesse movimento”, aponta.
 
Para nortear as marcas, a Kantar definiu, em parceria com o IRG - Institute of Real Growth - 7 pilares: ter uma visão mais ampla do mercado, ter múltiplos modelos de negócios, evoluir as experiências do consumidor, reescrever suas culturas, agilizar a organização, usar o lado direito do cérebro (combinando a análise de dados com a criatividade) e ter um crescimento humanizado.
 
Durante o evento Kantar Talks, a empresa apresentou o relatório que pode ser acessado na íntegra aqui www.kantarworldpanel.com/global

Crédito:Arquivo pessoal

Sobre a autora: Minha base profissional veio do jornalismo econômico impresso e online. Depois entrei no setor de comunicação corporativa e nunca mais parei. Parte do meu trabalho nos últimos anos foi encontrar oportunidades de levar a comunicação dos meus clientes aos seus públicos-alvo da melhor forma possível, sempre com o alinhamento de comunicação e de expectativas. Durante três anos intensos da minha vida trabalhei com aviação civil e aprendi na prática a arte do gerenciamento de crise e de viajar à trabalho. Acredito que a boa comunicação é capaz de mudar o mundo, as empresas e as relações entre pessoas. Há mais de vinte anos trabalho com comunicação das mais diversas formas. Ministro palestras, aulas e workshops sobre Gerenciamento de Crise e Assessoria de Imprensa para interessados no tema e alunos de graduação e pós-graduação. Quer falar comigo? Me escreve: danielabarbara2012@gmail.com

Leia também