Pesquisa analisa a relação da mídia com o imaginário dos caboclos

Gisele Sotto, em colaboração | 10/07/2019 16:47
“Ao falarmos de Belém do Pará, não podemos deixar de citar um de seus principais cartões postais: a maior feira a céu aberto da América Latina, o mercado do Ver-o-Peso, símbolo do turismo regional e cenário de trabalho de centenas de pessoas”, destaca Thiago Soares Favacho no início de sua pesquisa. E lembra também duas figuras de caráter regional, associadas ao imaginário dos “caboclos”: a erveira Dona Coló, e o cantor e compositor Pinduca.

Em seu trabalho “Banpará Digital: (re)posicionamento, publicidade e cultura na relação da mídia com o caboclo Amazônico”, Thiago buscou analisar, por meio de um estudo de caso e da análise de conteúdo, a campanha institucional do Banpará - Banco do Estado do Pará esclarecendo a relação de publicidade e cultura presente na figura cabocla. 

Thiago se formou em Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda, em 2018, pela Faculdade Estácio do Pará e compartilha aqui sua História de TCC.  
Crédito:Captura de tela do vídeo do Banpará
Pinduca e Dona Coló no mercado Ver-o-Peso

Sobre o trabalho

Minha pesquisa de conclusão de curso buscou compreender como é visto o caboclo Paraense, como a imagem de "ser Paraense" é utilizada pelas empresas locais com fins de publicidade e promoção de marcas. Muitas empresas locais não gostam de assumir o traçado do personagem local, e o Banpará - Banco do Estado do Pará, com a necessidade de se reposicionar, enxerga nessas pessoas - Dona Coló, vendedora de ervas do grande Mercado do Ver-o-Peso e o Mestre Pinduca, cantor e compositor do ritmo carimbó - uma oportunidade de (re)posicionamento de marca.

Principais desafios ao longo da produção

Um dos principais desafios foi a busca de informações no cenário local, a respeito de porque não se usam os personagens locais em campanhas publicitárias. Em muitos casos, as campanhas acabam "importando" os personagens, o que faz com que o público-alvo não se identifique com o conteúdo produzido.

Os aprendizados

Os aprendizados adquiridos foram muitos, principalmente no que eu buscava compreender referente à campanha do Banpará. Adquiri conhecimento também sobre o trabalho das Erveiras (trabalhadoras que estão no Mercado do Ver-o-Peso e manipulam ervas aromáticas e medicinais) e como o papel que elas desempenham é fundamental dentro do complexo da feira, além de ter compreendido melhor o conceito dos caboclos dentro do contexto Belenense.

Significado dessa experiência

A experiência de produzir o TCC representa a realização de um grande sonho, a conclusão de uma fase que durou quatro anos, é o compilado de tudo que vi dentro da academia em um trabalho de conclusão de curso. Conseguir concluir o curso superior foi a primeira etapa de uma carreira acadêmica que ainda pretendendo seguir (mestrado, doutorado e pós-doutorado).

Contribuições que o trabalho trouxe

O que o trabalho trouxe posteriormente como resposta positiva foi a possibilidade de expandir a pesquisa para um projeto de mestrado, utilizando a mesma base, porém propondo um novo tema para uma pesquisa maior e aprofundada.
Crédito:Arquivo pessoal
Thiago Favacho com os professores Danilo Caetano e Enderson Oliveira, seu orientador. E a professora Shirley Moura, da banca avaliadora

Conselhos para quem está fazendo o TCC

O conselho que dou para quem está nesta fase é escolher um bom tema, e ter em mente que não existe um "mau assunto". Você deve também escolher (quando possível) aquele professor/amigo com quem já possui uma intimidade, a fim de que a relação de orientando/orientador possa fluir de forma livre e amigável.

Leia também