Curso sobre jornalismo e gênero discute a cobertura desta temática e indica caminhos para uma abordagem inclusiva

Redação Portal IMPRENSA | 02/10/2018 11:09
Pensado para estudantes universitários e profissionais das áreas de comunicação, educação, letras e linguística, o curso "Gênero, Discurso e Mídia: da reflexão à cobertura jornalística" está com inscrições abertas até o dia 5 de outubro pelo site www.extecamp.unicamp.br  
Crédito:Pixabay



Promovido pela Escola de Extensão (Extecamp), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) no estado de São Paulo, o curso tem duração de 30 horas. Foi idealizado pelo grupo de pesquisa Mulheres em Discurso, do Instituto de Estudos da Linguagem (IEL) e tem coordenação da professora Mônica Zoppi-Fontana. As aulas serão ministradas pelos professores Duílio Fabbri Júnior e Fabiano Ormaneze, jornalistas e doutorandos em Linguística.

“A proposta é possibilitar uma discussão sobre como a mídia faz circular discursos sobre gênero. Vamos abordar questões como os sentidos de masculinidade, homem, mulher, diversidade e a comunidade LGBT no jornalismo. Além disso, propomos uma discussão sobre como a análise de discurso pode contribuir para uma cobertura não sexista”, explica Fabbri Júnior.

A perspectiva teórica adotada pelo curso possibilita uma leitura crítica, que levanta questões sobre como os discursos midiáticos são importantes para a formação de imagens a respeito das questões de gênero. “Essa discussão vai muito além do uso de determinadas expressões ou do politicamente correto. A reflexão será sobre os efeitos de sentido que foram se constituindo pela história e são reproduzidos em reportagens e na mídia em geral”, afirma Ormaneze.  

O investimento é de R$ 450,00 e, ao todo, serão seis encontros aos sábados (06/10, 20/10, 27/10, 10/11, 24/11 e 01/12), das 8h45 às 13h. Para se inscrever, é só acessar o site da Extecamp.

Leia também