A trajetória do Sertãozinho Futebol Clube, contada por uma jornalista em seu livro-reportagem

Redação Portal IMPRENSA | 19/06/2018 13:25
“A trajetória do Sertãozinho Futebol Clube, desde sua fase amadora, nos pequenos campos da cidade, passando pelas brigas políticas, até as mais gloriosas conquistas” foi o desafio abraçado por Tamiris Dinamarco, que reuniu no seu livro-reportagem um rico acervo, com fotos, depoimentos, e matérias de jornais, inclusive da época em que surgiu o futebol na cidade de Sertãozinho (SP), por volta de 1931.

Tamiris se formou no ano de 2011 em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, no Centro Universitário Barão de Mauá, que fica em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Em entrevista ao Portal IMPRENSA, ela conta os bastidores do desenvolvimento do seu TCC.  

Crédito:Montagem / Arquivo pessoal



Sobre o trabalho
O meu TCC foi um livro-reportagem intitulado "Sertãozinho Futebol Clube – a história do Touro dos Canaviais" e é composto por 280 páginas, divididas em sete capítulos que contam desde o surgimento do futebol na cidade de Sertãozinho (SP), por volta do ano de 1931, até o emocionante acesso para a Série A2 em 2016. São mais de 80 anos com fotos, depoimentos, matérias dos jornais da época, como o Jornal Bandeirante, Jornal Arauto e Jornal O Monitor, até os destaques de momentos recentes do clube. O objetivo foi reunir tudo sobre o time num único livro, já que na cidade não existia nada reunido sobre isso. E um detalhe que sempre fiz questão de ressaltar, não era um perfil do clube e sim um histórico, fichas técnicas e detalhes no meu ponto de vista, relatando até algumas situações que eu mesma vivi e enfrentei, e fiz os registros fotográficos.

Principais desafios ao longo da produção
A trajetória do Sertãozinho Futebol Clube, desde sua fase amadora, nos pequenos campos da cidade, passando pelas brigas políticas, até as mais gloriosas conquistas, é encontrada em partes, de forma fragmentada, em arquivos já degradados pelo tempo. O desafio deste livro foi reunir grande parte desse acervo, mostrando ao leitor cada fase do clube grená e lembrando épocas e personagens que compõem essa história. Um acervo que ficará para sempre nas bibliotecas, escolas e na casa dos torcedores e apaixonados por futebol.

Ao longo da pesquisa, enfrentei algumas fontes bem relutantes, talvez por não acreditarem que uma mulher conseguiria fazer um trabalho dessa magnitude e muitas vezes isso chegava a atrapalhar o andamento do trabalho. Mas, no final das contas, percebi que foi um incentivo para eu seguir em frente.

Os aprendizados
Tive muita vontade de desistir da produção, principalmente quando não ajudavam com informações, fotos ou contatos. Diversas pessoas tentaram dificultar a produção do livro e mostraram o quanto o machismo com mulheres no esporte ainda está com força total.

O livro ganhou prêmio de melhor capa no Intercom Sudeste, no ano seguinte à sua apresentação à banca, e foi lançado em outubro de 2016. O local escolhido foi a Feira do Livro de Sertãozinho e o estande de lançamento foi o mais movimentado naquela noite especial. 

O que ficou de aprendizado foi que temos que lutar e defender os nossos sonhos até o fim. Vão ter pedras no caminho... MUITAS! Mas literalmente juntei todas e construí o meu castelo, o meu livro, e foi recompensador. Contei sempre com o apoio da minha família, a maior incentivadora de tudo isso.

O que a experiência de produzir o TCC representou 
A produção deste TCC foi o trabalho mais emocionante que fiz durante os quatro anos da faculdade e, mesmo quase sete anos depois de formada, ainda digo que é uma das coisas mais recompensadoras. Sem ele, minha faculdade não teria sido a mesma. Lembro que desde o primeiro ano eu já dizia aos professores que faria o meu TCC sozinha e que seria um livro sobre o time de futebol da minha cidade. Quando me lembro de todo o processo, das noites mal dormidas, dificuldades e olho ele ali impresso, considerando o sucesso que fez, é emocionante.

As contribuições que o trabalho trouxe 
Hoje o Museu do Futebol de São Paulo já tem um exemplar dele e isso foi um dos motivos de maior recompensa. Além disso, saber que a cidade, a biblioteca, escolas, torcedores e apaixonados por futebol podem ter um exemplar com uma história única como essa, me dá uma sensação de alívio, de dever cumprido.

Conselho para quem está fazendo o TCC agora
Escolha um tema que te traga uma recompensa pessoal, algo que você realmente goste e que faça seu coração palpitar e os olhos brilharem. 

Leia também: