FOCA NA IMPRENSA - Leia o artigo 2

"Além da vida virtual: o Youtube como plataforma de diálogo, reflexão e debate", por Julia de Sousa Araujo

01/12/2016 09:00
Tema: Jornalismo e Youtube
Autora: Julia de Sousa Araujo é estudante de jornalismo na Universidade São Judas Tadeu, em São Paulo (SP)

Jornalismo e Youtube. Por muito tempo, essas duas maneiras de produzir conteúdo eram consideradas distantes e incompatíveis. Até mesmo para mim, como estudante de jornalismo, a princípio, pareciam ser coisas distintas. Isso durou até eu encontrar o canal da youtuber e jornalista Karol Pinheiro.

O canal, que se enquadra no segmento lifestyle, busca apresentar capítulos da vida da jornalista, incluindo viagens, opiniões sobre os mais variados assuntos - como os cosméticos e produtos de beleza em geral, além de temáticas sociais, como a gordofobia, por exemplo. A princípio, parecia ser apenas mais um canal com o intuito de reproduzir a vida real de uma pessoa pública. Me enganei. Dentre os diversos assuntos que a jornalista aborda, um em especial me chamou a atenção - "A farsa da vida perfeita nas redes sociais".

O conteúdo chamou minha atenção por ser exatamente uma realidade em que diversas - ou quase todas - pessoas vivem ou estão sujeitas a viver: a vida perfeita nas redes sociais. Nas telas dos smartphones, tudo é sempre tão perfeito e real e é justamente sobre esse ponto que Karol se posiciona.

No vídeo de 12 minutos, a youtuber relata uma situação que se tornou um ciclo em sua vida, o vício de acompanhar tudo que aparece no feed e fazer com que aquilo se torne referência para o mundo real. Isso fez com que Karol entrasse em um paradigma: a comparação da vida virtual com a vida real. "Eu percebi que para você chegar em determinadas imagens, você tem que passar por situações tão bizarras, e não tão reais". Essa frase foi uma das mais marcantes para mim. Ela fez com que eu olhasse ao meu redor e a minha própria vida, e me questionasse sobre tudo o que eu reproduzo na internet, e pensei que talvez eu estivesse replicando uma realidade como se fosse minha.

No mesmo vídeo, Karol destaca 5 pontos que nas redes sociais parecem ser verdadeiros, mas, se observados pela ótica da realidade, são impossíveis de serem aplicados.

Diante de todos esses pontos, aprendi que o Youtube é um meio incrível para você aprender, compartilhar experiências, histórias e aprendizados. A proximidade que essa mídia proporciona promove diversas reflexões, opiniões e interações que, em sua grande maioria, são instigadas pela maneira como aquele conteúdo chega até você, em forma de diálogo, como se você estivesse conversando com um amigo, o que gera uma grande empatia, assim como aconteceu comigo. Se esse tipo de conteúdo não tivesse chegado até mim com essa dinâmica e por meio dessa plataforma, talvez essa reflexão nunca teria acontecido.

AVALIE ESTE TEXTO